Testemunho de Rafael Rodrigues

Publicado: 20 de junho de 2011 por Rafasoftwares em Testemunhos

“Pareceu-me bem tornar-vos conhecidos os sinais e maravilhas que fez, em meu favor, o Deus altíssimo: Quão grandiosos seus sinais! Quão portentosas suas maravilhas! Seu reino é reino eterno e seu domínio vai de geração em geração.” (Daniel 3, 98-100)

Sou Rafael Rodrigues de Carvalho Severo, tenho 22 anos nasci em Campo Formoso – Bahia, hoje moro na capital Salvador. Sou acadêmico de Sistemas de Informação na Universidade Estácio – FIB/BA, e aluno do curso de extensão em teologia na Universidade Católica de Salvador.  Trabalho como técnico em informática e administrador de redes.

Nascido em lar dito católico, como a maioria dos lares brasileiros, não praticava minha “fé”, fui batizado, fiz catequese, mas uma catequese muito fraca onde não aprendi nada sobre Cristo nem sua Igreja, o que não me fez apegar a nenhum dos 2.

Estudei minha vida toda em um Colégio Presbiteriano, onde aprendi a maioria das poucas coisas que antes eu sabia da bíblia e de Deus. Na minha adolescência comecei a freqüentar a missa por vontade própria, me sentia bem em ir as missas, porém aos poucos fui me afastando, comecei a ir intensamente a festas profanas e a consumir bebidas alcoólicas intensamente, por diversas vezes ficava muito embriagado, fazendo muitas vezes “besteiras”. Comecei a dividi minha vida entre prazeres do mundo e “ir a missa”.

9 meses após concluir meu 2º grau, em 13 de agosto de 2007, vim morar em Salvador com meus primos protestantes. Logo fui sendo doutrinado a pensar como um protestante. Tinha várias discurções com eles. E lógico, que como eu não sabia nada de bíblia nem da Igreja e eles a liam mais que eu, pouco podia argumentar e era convencido por eles.  Por várias vezes me deparavam com livros mostrando a “Imagem negra” da Igreja Católica, livros com argumentos mentirosos e tendenciosos que hoje refuto facilmente, mas que na época com meu pouco conhecimento eu tinha como verdade.

Minha vontade de seguir a Cristo sempre foi grande, só que com as coisas do mundo pareciam ser maiores do que isto. Comecei então a ler a bíblia diariamente, logo ia percebendo algumas contradições entre o que meus primos me falavam e o que realmente a bíblia queria falar, a primeira delas foi que “tudo estava na bíblia”, quando João dizia que  “Jesus fez ainda muitas outras coisas. Se fossem escritas uma por uma, penso que nem o mundo inteiro poderia conter os livros que se deveriam escrever”   (João 21, 25), logo já ia me indagando sobre o que eles falavam mesmo que timidamente.

Durante este meu tempo de adaptação em Salvador em meio a todas as dificuldades, passei por uma experiência de quase depressão, graças ao bom Deus que não me deixou cair neste poço. Certo dia comecei, em meu quarto, a orar, decidi então, a partir dai,  de uma vez por todas abandonar o mundo e seguir a Cristo sem hesitações. Não tinha decidido por “igreja” A ou B, estava “desingrejado”, até por que não sabia realmente significado do que era Igreja. Mas como meus primos sempre me chamavam para ir para a “igreja” deles comecei então a freqüentar a “igreja” Batista Metropolitana de Salvador por algumas semanas, quando então resolvi estudar a Igreja Católica e ver por que a Igreja Católica tinha Tantas doutrinas “erradas” como os protestantes falavam. Comecei com o purgatório, batismo infantil e Intercessão dos Santos e confesso que tomei um baque com tantas provas que encontrei, e acabei constatando que não era nada daquilo que meus primos falavam. Depois partir para as imagens e descobri, depois de um exegese mais acurada, que Deus nunca as proibiu fazer, mas que proibia os ídolos esculpidos do Egito.

Todos os dias ia estudando e lendo a bíblia, li o catecismo da Igreja católica (que contrariava tudo o que os protestantes afirmava que a Igreja cria),  as acusações contra ela, e as defesas dos apologistas católicos, que de longe eram bem mais convincentes e sensatas do que os delírios protestantes. Então conheci a teologia patrística da qual eu me apaixonei de cara e notei que indiscutivelmente a Igreja vive uma só fé desde o princípio.

Após muito estudo bíblico, doutrinário, patrístico e oração, como a maioria dos ex-protestantes (eu nunca fui um, mas pensava como um) não tive outra opção a não ser  aderir e ser fiel a Santa Igreja Católica, fazer parte do corpo místico de Cristo, e com ele propagar o Evangelho da Salvação para todo o mundo.

Desde 2009 busco defender a fé católica contra as calúnias e difamações. Em Junho de 2010 fundei o apostolado Sã Doutrina que hoje se tornou bem conhecido no mundo religioso da WEB, devido as refutações as falsas acusações, as matérias polemicas que publicamos e o modo como defendemos nossa fé. Em pouco tempo de atividade já conseguimos produzir muitos frutos pela graça de Deus.

“Eu vivo, mas já não sou eu; é Cristo que vive em mim. A minha vida presente, na carne, eu a vivo na fé no Filho de Deus, que me amou e se entregou por mim.  “  (Galatás 2, 20 )

comentários
  1. manuel disse:

    Parabens Rafael;

    continua nesta caminhada junto com a doutrina da Santa Igreja.

  2. Nilza Severino disse:

    Rafael, fico feliz em ter irmãos conhecedores da palavra de Deus e por conhecê-la é que se tornaram católicos. O que dizer dos vários pastores e doutores evangélicos que após longos estudos e aprofundamento se tornaram católicos (ver testemunho de Alex James), sei o quanto é difícil ser católico em meio de uma família evangélica, mas como eu ouvi da esposa de um ex pastor, o nossos irmãos evangélicos não são irmãos separados mas sim irmãos esperados. E eles é que não sabem como é bom ter uma mãe no céu.

    Que o Espírito Santo sempre te ilumine

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s